Planejando uma viagem para esse paraíso? Confira um passo a passo completo de como ir para Boipeba e 18 dicas do que fazer na ilha enquanto pratica um turismo responsável.

No sul da Bahia, a Ilha de Boipeba é um daqueles lugares que além de paradisíacos possuem uma magia que te acalma, te ensina sobre a vida e te preenche por inteiro. Não é a toa que ela se tornou um dos meus destinos favoritos no Brasil e no mundo. Nesse guia de viagem você encontrará todas as informações que precisa para planejar sua viagem: como chegar em Boipeba, o que fazer e dicas exclusivas. Vamos lá?

Sobre a ilha

Boipeba faz parte do Arquipélago de Tinharé, formado por 26 ilhas, que também inclui destinos como: Morro do São Paulo, Garapuá e Gamboa. De um lado cercada pelo mar e do outro pelo Rio do Inferno, é o destino perfeito para quem ama natureza, quer relaxar, aproveitar lindas praias, piscinas naturais, bancos de areia e ainda conhecer um manguezal.

Praias de Boipeba na Bahia
Vista das praias de Boipeba direto da Pousada Mangabeiras
Foto: Elaine Villatoro

A região foi reconhecida pela UNESCO pelo seu patrimônio natural como Reserva da Biosfera e Patrimônio da Humanidade. Em alguns pontos específicos a paisagem me lembra Maldivas, e para quem acompanhou nossa viagem pelo Instagram, deve ter percebido que até um amigo maldívio confundiu e achou que eu estava em seu país 🤷🏻‍♀️.

A ilha é formada pelos povoados de Velha Boipeba, São Sebastião (Cova da Onça), Moreré, Monte Alegre e preserva muito das tradições, cultura e culinária local.

Onde fica Boipeba

A Ilha de Boipeba fica a aproximadamente 88 km em linha reta de Salvador, e a 290km pela estrada. Partindo de Ilhéus, Boipeba está a cerca de 128km em linha reta e 182km pela estrada.

Como ir para Boipeba e circular pela ilha

Embora a distância de Ilhéus para Boipeba em quilômetros seja menor, o aeroporto mais próximo de Boipeba é o Aeroporto Internacional de Salvador (SSA) devido ao tempo de viagem.

O acesso a Ilha de Boipeba é realizado via fluvial, pelo Rio do Inferno, ou por via marítima, de lancha ou barco.

Como ir para Boipeba de carro

Automóveis não entram em Boipeba, por isso, analise se vale a pena ir de carro, pois você precisará deixá-lo em um estacionamento na cidade de Valença ou no vilarejo de Graciosa e pegar uma lancha para a ilha.

Se você vier de Salvador, pode seguir pela rodovia BA-001 e estacionar próximo ao Terminal Hidroviário de Valença. Um amigo recomendou o Estacionamento Fonseca que fica a 2 minutos andando do terminal e custa de R$25* a R$30* a diária.

Está vindo do sul da Bahia? O trajeto também é feito pela rodovia BA-001. Neste caso, o cais de Graciosa está mais próximo e você pode deixar o carro em um dos estacionamentos da região.

Está indo em grupo ou com mais dinheiro em caixa? Você também pode fretar uma van ou pegar um táxi de Salvador até Graciosa.

Como ir para Boipeba de avião

Embora não seja a alternativa mais econômica, você pode utilizar o serviço de táxi ou fretamento aéreo partindo do Aeroporto Internacional de Salvador para o Sul da Ilha de Tinharé. O trajeto dura aproximadamente 30 minutos e depois será necessário fazer uma travessia de apenas 5 minutos para Boipeba.

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Valor por passageiro: R$850* voo + R$30* barco

Mais informações: clique aqui.

Como ir de Salvador para Boipeba

O trajeto mais comum para ir de Salvador para Boipeba envolve pegar ferry, ônibus, lancha e por vezes até táxi, durando cerca de 5-6 horas. Portanto, separe um dia todo no seu roteiro para ir e mais um dia inteiro para voltar.

Não se preocupe, todo esforço é válido para chegar nesse paraíso. Se fosse fácil, o local não estaria tão preservado como está 😉.

Para facilitar a sua vida, fizemos o passo a passo mais detalhado que você encontrará na internet, vamos lá?

1) Ferry de Salvador para Bom Despacho:

Primeiro de tudo você precisa se dirigir ao Terminal Marítimo de São Joaquim em Salvador para pegar a ferry com destino ao Terminal de Bom Despacho que fica na Ilha de Itaparica.

Boipeba como ir - Ferry
Quiosque da Viação Cidade Sol dentro do Terminal de São Joaquim em Salvador
Foto: Elaine Villatoro

Duração: Aproximadamente 1 hora.

Valor por passageiro: R$5,60* nos dias úteis e R$7,40* aos finais de semana e feriado. Se você for para Boipeba de carro o valor da ferry pode custar de R$50* e R$92*.

Empresa: Internacional Travessias.

Dicas da Raposa 🦊:

1) No próprio Terminal São Joaquim, na sala de espera do embarque, vá até o quiosque da Viação Cidade Sol e garanta sua passagem de ônibus de Bom Despacho para o terminal de Valença ou para o cais de Graciosa. Em ambas cidades você pode pegar uma lancha para a Ilha de Boipeba.


2) Chegue com pelo menos 40 min de antecedência para comprar seu ticket ou até mais aos finais de semana e feriados pois costuma ter fila. Aproveite para sacar dinheiro, comprar snacks e ir ao banheiro neste terminal.

2) De Bom Despacho para Valença:

Para nossa alegria, o Terminal Marítimo e a Rodoviária de Bom Despacho estão integrados. Se você seguiu a nossa dica anterior e já deixou seu bilhete de ônibus comprado com a Viação Cidade Sol, haverá um ônibus te aguardando assim que você desembarcar da ferry.

Uma vez no ônibus você poderá optar por descer no Terminal Rodoviário de Valença ou no cais de Graciosa. Se você descer na estação de Valença precisará pegar um táxi para o terminal marítimo, e então pegar a lancha. Recomendo ir direto para Graciosa, pois o ônibus te deixa em frente ao cais tornando o trajeto mais rápido e barato.

Como ir de Salvador para Boipeba
Parte interior do ônibus Cidade Sol que leva de Bom Despacho para Valença

Duração: Aproximadamente 2:10hs para Valença + 15 min de táxi ou 2:30hs para Graciosa.

Valor por passageiro: R$38* ônibus + R$25* táxi se descer em Valença.

Empresa: Viação Cidade Sol.

Importante! Só é possível realizar o embarque no ônibus da viação Cidade Sol com o comprovante de vacinação completa (de acordo com o recomendado para sua idade) contra COVID-19. O comprovante pode ser físico ou digital pelo aplicativo Conecte SUS.

3) Lancha para Boipeba:

Atente-se aos horários de saída das lanchas. O último horário de saída de Valença para a Ilha de Boipeba é 16hs e de Graciosa às 16:30hs. Na alta temporada às vezes eles abrem horários até 18hs. Para chegar a tempo de pegar a lancha de 16:30hs em Graciosa você precisa pegar o ferry das 12hs (meio-dia) em Salvador, no máximo.

Como chegar em Boipeba de barco
Horários da lancha que vai de Graciosa à Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Duração: Cerca de 1:10hs partindo de Valença e 40 min partindo de Graciosa.

Valor por passageiro: R$55* (Valença), R$55* (Graciosa).

Empresa: Dattoli/Island Tour (Valença), Expresso Boipeba (Graciosa).

Dicas da Raposa 🦊:

Em frente ao cais de Graciosa, o Bar e Restaurante da Telma tem banheiro e serve uma comida caseira bem gostosa por R$12.

No retorno recomendo que você opte pelo trajeto Boipeba x Valença porque o Cidade Sol não oferece o retorno saindo de Graciosa, e o ônibus que busca em Graciosa e leva para Valença oferecido por outra empresa é bem desconfortável.

Você pode comprar sua passagem de volta de Boipeba para Valença em um dos quiosques em frente ao cais da Boca da Barra em Boipeba.

Como ir de Morro de São Paulo para Boipeba

Viajando de Morro de São Paulo, é possível fazer um trajeto até o sul da ilha em aproximadamente 1 hora de carro 4×4, seguido por um curto trajeto de barco até Boipeba. Me disseram que este trecho de carro é bem desconfortável.

Se tiver pouco tempo e quiser mais conforto, o passeio bate e volta de barco para visitar a ilha é uma opção.

Valor por passageiro: 4×4 R$200*, Volta a ilha de barco R$250*.

Empresa: Amo Morro de São Paulo

Como ir de Ilhéus para Boipeba

Partindo de Ilhéus, você pode pegar um ônibus no Terminal Rodoviário de Ilhéus para cidade de Valença e depois um barco até Boipeba.

Duração: Aproximadamente 4 horas e 50 minutos.

Valor por passageiro: R$54,31* no ônibus convencional e R$60,08* no ônibus convencional com ar condicionado.

Empresa: Águia Branca

Como circular pela Ilha de Boipeba?

Trator em Boipeba
Trator – um dos meios de transporte de Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Dentro da ilha as alternativas de locomoção são:

Como se locomover em Boipeba
  • Andar a pé (que ajuda a entrar no ritmo de Boipeba)
  • Barco
  • Trator
  • Quadriciclo

Leve poucas malas para facilitar sua vida, ou então, você pode contratar alguém para levar suas malas em uma carriola assim que chegar no cais Boca da Barra.

O quadriciclo acaba sendo o Uber de Boipeba. Caso queira agendar um transfer de Velha Boipeba para Moreré ou um passeio para Castelhanos, por exemplo, você pode contatar o Romilson.

Perguntas Frequentes

Quando ir para Boipeba, Bahia?

Graças ao clima tropical, é possível aproveitar Boipeba o ano inteiro! Entre abril e agosto é época de chuvas, o que pode atrapalhar um pouco alguns passeios.
clima boipeba
No dia a dia é um destino muito tranquilo, mas isso pode ser diferente durante feriados, férias e carnaval. Leve isso em consideração na hora de definir as datas da sua viagem.
Nossa dica é que você visite entre setembro e começo de dezembro, ou entre fevereiro e março, fugindo do carnaval e Páscoa.

Quantos dias ficar em Boipeba?

Se programe para ficar pelo menos 5 dias em Boipeba, nesse período consegue conhecer um pouco da ilha e entrar no ritmo tranquilo que ela nos coloca.
Quer conhecer a ilha toda? Neste caso recomendo que fique 10 dias.

O que fazer em Boipeba?

A ilha de Boipeba oferece diversos passeios e experiências incríveis como: praias, passeio de caiaque no mangue, admirar os plânctons bioluminescentes, fazer mergulho, passeio de lancha, trilhas, aula de percussão, observação de baleias, entre outros. Confira abaixo mais dicas com o que fazer em Boipeba.

O que fazer em Boipeba à noite?

Não sabe o que fazer em Boipeba à noite? Se estiver em Velha Boipeba você pode curtir a Casinha Latina, a Canoa Quebrada Music Bar, papear com os amigos em uma das barracas do centrinho da vila ou de repente até participar de uma roda de samba da dona Janice no Quintal Abayomi. Está em Moreré? Consulte a programação da Casa Filtro e Pontal do Bainema.

Onde ficar

O ideal é que você identifique se prefere ficar mais próximo à Velha Boipeba ou na praia de Moreré. Minha sugestão é que você se hospede um pouco em cada região, assim conhecerá o agito do pequeno vilarejo de Velha Boipeba e a tranquilidade e conexão com a natureza encontrada em Moreré.



Booking.com

Pousada Mangabeiras

Já pensou em se hospedar no alto do morro, bem no meio da mata nativa de uma ilha paradisíaca e poder curtir uma banheira de hidromassagem com uma vista linda? Na Pousada Mangabeiras é assim!

Chegar lá é uma aventura por si só, saindo da Praia Boca da Barra é necessário fazer uma trilha de 20 minutos e pegar um elevador – com uma vista de tirar o fôlego – no meio da mata até a pousada.

⚠️ Caso tenha dificuldade de locomoção, avise a equipe da hospedagem.

Considerada por muitos como a melhor pousada de Boipeba, a Mangabeiras conta com bangalôs espaçosos e aconchegantes, guest house, restaurante, área de jogos e uma piscina que merece pelo menos meio período da sua atenção.

Conheci a Pousada Mangabeiras graças a Roteiros de Charme, que tem uma lista de hospedagens sustentáveis, uma das nossas prioridades no blog.

Os cuidados na Mangabeiras vão desde os amenities (shampoo, condicionador e sabonete) biodegradáveis, até a água que é oferecida gratuitamente em uma garrafa de vidro, evitando assim o uso de pequenas garrafas plásticas. Além disso, durante a construção da hospedagem nenhuma árvore precisou ser derrubada e, diferente da maioria das pousadas da ilha, eles fazem coleta seletiva e compostagem. Legal, né?!

Dica da Raposa 🦊: Embora eles tenham uma pessoa para carregar sua bagagem do cais até a pousada recomendamos que você venha com pouca bagagem, assim não abusa da boa vontade do funcionário, não é mesmo?!

Praias de Boipeba

Ao todo são 9 praias na Ilha: Boca da Barra, Praia do Outeiro, Praia das Pedrinhas, Praia de Tassimirim, Praia da Cueira, Moreré, Praia do Bainema, Ponta dos Castelhanos e Cova da Onça.

Boca da Barra

Uma das maiores praias da ilha, Boca da Barra tem uma grande faixa de areia onde você pode aproveitar o dia tomando sol, banho de mar, fazendo stand up paddle ou andando de caiaque.

Aqui acontece o encontro do rio e mar, que pode ser notado pela diferença de coloração nas águas.

Praia Boca da Barra
Boca da Barra, uma das praias de Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Por ser a porta de entrada para Boipeba, tem uma infraestrutura ótima para receber os turistas como restaurantes e quiosques, além de ser próxima do centrinho e comércios.

Praia do Outeiro e Praia das Pedrinhas

Entre a praia Boca da Barra e Tassimirim estão duas surpresas, a Praia do Outeiro e a Praia das Pedrinhas.

Praias de Boipeba Bahia
Praia das Pedrinhas
Foto: Elaine Villatoro

Ambas são bem pequenas e de águas tranquilas, ideais para quem busca um local mais isolado ainda próximo ao vilarejo.

Praia de Tassimirim

Há 20 minutos de trilha leve de Boca da Barra está a Praia de Tassimirim. Tranquila e de águas límpidas, é o local perfeito para mergulho de snorkel.

A infraestrutura é simples, mas existem opções para comer e beber nos quiosques.

Praia da Cueira

Depois de Tassimirim está uma das mais movimentadas praias de Boipeba, principalmente quando os passeios vindos de Morro de São Paulo param por aqui.

Praia da Cueira Boipeba Bahia
Praia da Cueira, Ilha de Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Para quem quer passar o dia, existem várias opções de onde comer e beber na Praia da Cueira, inclusive a famosa barraca do Guido da Lagosta e uma opção mais em conta que é a Barraca da Cueira do Sr. João.

Moreré

A Praia de Moreré é uma das mais famosas de Boipeba, que além de linda, possui piscinas naturais onde é possível observar a vida marinha nas águas cristalinas.

Morere Boipeba
Praia de Moreré, Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Aqui você encontra hospedagens, restaurantes e quiosques. Ela fica após a Praia da Cueira e você pode chegar em Moreré: andando, de trator, barco ou quadriciclo.

O valor do quadriciclo da Ponto do Trator até Moreré é de R$25. Fiz o trajeto com o Romilson, pode falar com ele pelo instagram @romilsonoliveir96 ou pelo número abaixo.

Praia do Bainema

Localizada entre Moreré e Ponta dos Castelhanos, a Praia do Bainema é a mais deserta de Boipeba, tem uma beleza quase intocada mas não possui nenhuma infraestrutura para turistas.

Bainema Boipeba
Praia de Bainema – Uma das melhores praias de Boipeba na Bahia
Foto: Elaine Villatoro

Se for visitar, se programe para comer em uma das praias vizinhas ou mesmo traga água e snacks.

Praia de Castelhanos

Considerada uma das mais belas praias de Boipeba, a Ponta ou Praia de Castelhanos é perfeita para passar um dia no paraíso, caminhando no banco de areia, curtindo as piscinas naturais e usufruindo das excelentes opções de quiosques e restaurantes.

Praia de Castelhanos Boipeba
A beleza da Praia de Castelhanos, Boipeba
Foto: Elaine Villatoro

Você pode chegar a Castelhanos de barco, quadriciclo ou mesmo de trilha. É um lugar especial para acampar na praia.

Cova da Onça

Praia Cova da Onça fica em um pequeno vilarejo de pescadores chamado São Sebastião. Essa praia quase não tem infraestrutura para turistas mas é ótima para renovar suas energias com um banho de mar.

Ela fica um pouco distante do restante das praias, é possível chegar de barco, quadriciclo ou trilha.

O que fazer em Boipeba

A variedade de passeios e atrações é tanta que será difícil escolher o que fazer em Boipeba. Para facilitar seu planejamento, listamos aqui algumas possibilidades e contatos das agências que fazem os passeios:

Bioluminescência

Você sabia que dá pra ver plânctons bioluminescentes em Boipeba? Andar de caiaque durante o pôr do sol, entrar num manguezal e acompanhar o anoitecer para ver esse fenômeno da natureza foi uma das experiências mais incríveis que já tive. Embora eu já tenha tido a oportunidade de ver plânctons em outros países como Vietnã, Maldivas, Tailândia e Estados Unidos, eu nunca tinha imaginado que isso seria possível dentro de um mangue.

Passeio de caiaque planctons bioluminescentes no Brasil - o que fazer em boipeba
Passeio de caiaque em Boipeba com a Ecomar para ver plânctons luminosos no mangue
Foto: Elaine Villatoro

Como a água do mar entra no rio, muitos plânctons acabam presos ali, tornando a experiência de ver a bioluminescência no manguezal única. Juro, nunca vi tantos assim! E, para finalizar com chave de ouro, você vai admirando as estrelas enquanto retorna para a praia.

Durante o passeio organizado pela agência Ecomar, são passadas muitas informações e dicas sobre meio ambiente e a importância de preservarmos os manguezais e a natureza.

Dica da Raposa 🦊: Para aumentar suas chances de ver os plânctons, programe sua viagem para Boipeba durante a lua nova.

Duração: 3 horas

Valor: R$160*

Passeio de Caiaque ou SUP

Está na Velha Boipeba? Que tal apreciar o pôr do sol num stand up paddle (SUP) no meio do Rio Piã ou então entrar num caiaque individual ou duplo nos túneis do mangue? A Ecomar proporciona essas experiências junto a uma palestra sobre o ecossistema local.

Duração: 2 horas

Valor: R$120* caiaque / R$140* SUP

Mergulho

A Ilha de Boipeba é um ótimo lugar para mergulhar na Bahia, seja essa sua primeira vez ou não.

Para quem nunca praticou essa atividade, a Boipeba Mergulho realiza o batismo. Essa atividade acontece em Moreré, o ponto de encontro é na escola de mergulho que fica em frente ao Restaurante Paraíso.

Primeiro você assiste a uma aula para aprender o conteúdo teórico, em seguida um instrutor acompanha sua adaptação em uma área de um metro de profundidade por 15 minutos e depois já está pronto para mergulhar.

Mergulho - uma das opcoes de o que fazer em Boipeba
Corais
Foto: Boipeba Mergulho

Para mergulhadores certificados existem outras opções de mergulho em Boipeba, inclusive um mergulho noturno!

Valor: A partir de R$200*.

Assistir o nascer e pôr do sol ou o nascer da lua

Vale a pena acordar mais cedo e ver o sol nascendo. Você pode fazer isso na praia de Moreré ou Bainema e aproveitar para alongar ou praticar yoga. Algumas hospedagens também te presenteiam com a oportunidade de assistir o nascer do sol direto da cama como a Pousada Mangabeiras e a Casa Utopia.

Por do sol em Boipeba Bahia
Pôr do sol na Barra em Boipeba, Bahia
Foto: Elaine Villatoro

O pôr do sol pode ser apreciado na Praia Boca da Barra, no Mirante Quebra Cú (Sim, é esse o nome! 🤣), ou no Céu de Boipeba. Se estiver por Moreré você pode assistir da Oca do Monte brindando com uma caipirinha de acerola ou mesmo comendo um delicioso açaí orgânico.

Agora, se você curte mesmo é o nascer da lua, vale conferir e registrar esse momento direto da Praia da Cueira.

nascer da lua praia da Cueira - dica de o que fazer à noite em Boipeba
Nascer da lua na Praia da Cueira
Foto: Elaine Villatoro

Banho de Rio

Se você prefere um banho de água doce, não se preocupe! Em Boipeba, além do banho de mar, você pode curtir um banho de rio.

Entre as opções estão o Rio Catu – próximo à praia de Castelhanos, o Rio Oritibe – no final da praia da Cueira, e o Rio Piã que fica na área rural de Boipeba. Embora seja pouco visitado pelos turistas, este último é muito amado pelos nativos.

O que fazer em Boipeba Bahia
Elaine banhando no Rio Piã
Foto: Carolina Rossi

Eu conheci o Rio Piã durante o tour Boipeba Roots da Quase Nativa, mas se você estiver com pouco tempo e ainda quiser conhecer, ela oferece um tour que dura 3 horas e custa R$60* por pessoa.

Piscinas naturais

As piscinas naturais são uma formação rochosa com água acumulada (doce ou salgada) que se assemelha a uma piscina, ótimo lugar para apreciar de pertinho peixes, recifes, corais e outras belezas da vida marinha. Durante a maré baixa você pode apreciar as piscinas naturais em Tassimirim, Moreré, Bainema e Castelhanos.

Dica da Raposa 🦊: Para aproveitar ao máximo esse passeio leve um snorkel com você.

Piscinas naturais na Bahia - o que fazer em Boipeba
Piscinas naturais de Moreré na Bahia
Foto: Elaine Villatoro

Você pode visitá-las por conta própria ou então fazer um passeio de snorkel guiado nas piscinas naturais de Tassimirim ou Castelhanos junto a empresa Ecomar.

Duração: 3 a 4 horas Tassimirim (a pé) / 5 a 6 horas Castelhanos (barco)

Valor: R$160* Tassimirim / R$210* Castelhanos. Esses valores incluem equipamentos.

Trilhas em Boipeba

Se você ama fazer uma boa caminhada pela natureza venha bem preparado, o que não falta em Boipeba são opções de trilhas para os aventureiros. Essas são algumas delas:

Dica da Raposa 🦊: Recomendo que essas trilhas sejam feitas junto a um guia local.

Importante! Os rios e mangues só podem ser atravessados na maré baixa.

– Velha Boipeba para Moreré

A trilha para Moreré se inicia no final da Praia Boca da Barra, por dentro de uma região de mata até a praia de Tassimirim. Siga até a praia de Cueira e atravesse o Rio do Oritibe passando por um trecho de coqueiros até uma pequena porteira e chegará em Moreré.

– Trilha para Castelhanos

A trilha para Castelhanos é bem marcante, passa por mangues gigantes com raízes de até 3 a 4 metros que servem de moradia aos caranguejos que ali se reproduzem.

Há risco de se perder ao fazer a trilha sozinho, e no fim do mangue ainda será preciso pegar um barco até a praia de Castelhanos. Por isso, recomendo que contrate um guia. Segue o contato do Caetano que me foi recomendado.

Valor: R$100* ida e volta

– Volta na ilha

Para aqueles com grande disposição, a maior trilha em Boipeba: Volta na ilha.

A trilha é uma junção da trilha de Velha Boipeba para Moreré com a trilha para Castelhanos. A volta na ilha inicia na praia Boca da Barra, seguindo pela praia de Tassimirim, Cueira, Moreré, Bainema, Castelhanos e por fim, Cova da Onça.

Dica da Raposa 🦊: Confira nosso artigo sobre Roupas para Trilha e fique ainda mais preparado para esta aventura!

Boipeba Roots

Se você gosta de se conectar com a comunidade local e a essência de um destino, esse tour é pra você!

O Boipeba Roots é organizado pela Manoela do Quase Nativa. O dia é iniciado no Quintal Abayomi onde é servido um delicioso café da manhã, seguido de uma conversa sobre sabedoria ancestral com dona Nilda que é terapeuta holística.

Depois conhecemos a casa de farinha, onde é produzido artesanalmente a farinha de mandioca e o Sr. Rosilvado é quem explica e mostra como ela é produzida.

Passeio Boipeba - dica de o que fazer na ilha
Sr. Rosivaldo durante passeio Boipeba Roots
Foto: Elaine Villatoro

O dia termina com banho no Rio Piã e admirando o pôr do sol no mirante Quebra Cú.

Duração: O dia todo.

Valor: R$100* por pessoa e inclui o café da manhã. Não inclui almoço.

Obs: O almoço é realizado no Bar do Ramiro, próximo ao Rio Piã. Foi aqui que comi uma das melhores comidas caseiras de Boipeba.

Passeio de lancha

Se você está com tempo limitado e quer conhecer todo litoral, uma boa pedida é fazer o passeio volta a ilha em Boipeba. Quer conhecer Castelhanos de barco ou outras praias exuberantes do arquipélago de Tinharé como Garapuá e Morro de São Paulo? O Geisiel pode te levar.

Duração: O dia todo.

Valor: De R$150* a R$250* por pessoa. É preciso no mínimo 4 pessoas para o passeio acontecer.

Acampar em Castelhanos

Que tal caminhar pelo mangue e acampar numa praia deserta? Tive a oportunidade de viver essa experiência única com a Kairu Adventure.

Saímos em 3 pessoas de Moreré, caminhamos por toda a praia de Bainema, atravessamos o manguezal e o rio até chegarmos na praia de Castelhanos. Chegando lá contamos com o apoio da Barraca Luz do Oceano, armamos nossas barracas e acompanhamos os barcos saindo no entardecer. Logo, a praia ficou todinha pra gente.

À noite, o guia Alê preparou nosso jantar na fogueira e as estrelas nos encantaram. De madrugada, resolvi checar se dava pra ver a bioluminescência de lá, e mais uma vez essa ilha mágica me surpreendeu… acabei nadando com os plânctons. Sem dúvidas essa é uma das melhores coisas para fazer em Boipeba!

Empresa: Kairu Adventure

Valor: R$200* por pessoa inclui o trajeto de ida e volta a pé saindo de Moreré, equipamentos de camping e um guia. Necessário no mínimo 2 pessoas.

Mirante Céu de Boipeba

Bar, restaurante, hospedagem, mirante e lugar de conexão com a natureza, esse é o “O céu de Boipeba“.

Fica entre a praia Boca da Barra e Tassimirim, dentro da área de mata atlântica e localização privilegiada no alto do morro. Perfeita para apreciar o pôr do sol e nascer da lua.

Horário de funcionamento: Para quem não está hospedado, o horário de funcionamento é das 15h às 19h. O jantar precisa ser reservado antes das 18h30 e é servido das 19h30 às 21h.

Valor: A entrada custa R$50*, sendo esse valor descontado da consumação.


Seguros Promo

Observação de baleias jubarte

Se você estiver visitando a Ilha de Boipeba entre julho e novembro poderá encontrar as gigantes do mar.

A Ecomar realiza o passeio de observação de baleias jubarte em um barco exclusivo que navega 2 horas até chegar no ponto em que elas geralmente passam.

Vale lembrar que não há garantia de que você conseguirá avistar esses animais, afinal, estamos falando de animais que se encontram livres na natureza.

Dica da Raposa 🦊: Leia nosso artigo sobre turismo ético com animais!

Duração: 5 horas

Valor: R$240* por pessoa e inclui água e frutas

Aula de percussão

Aprenda sobre percussão, um instrumento típico da Bahia, com a dona Janice.

Durante essa vivência, vai conhecer um pouco da história dessa figura importante da Ilha de Boipeba, que é a matriarca do samba de roda das mulheres da ilha.

Empresa: Quase Nativa – Manoela

Comunidade de Monte Alegre

Próximo a Moreré fica Monte Alegre, uma comunidade quilombola cheia de encontros e histórias.

Eu tive a oportunidade de visitar e inclusive de receber a benção da dona Maria (benzedeira da região) junto a amigos, mas você também pode conhecer Monte Alegre durante um tour da Quase Nativa.

Quilombo de Monte Alegre - uma das dicas de o que fazer em Boipeba, Bahia
Comunidade de Monte Alegre
Foto: Elaine Villatoro

A Manoela tem um passeio que inclui a Trilha do Serrão e o Quilombo de Monte Alegre. A trilha é considerada moderada, passando por dentro de dois rios que ficam no caminho de Velha Boipeba pra lá.

Duração: Dia todo

Valor: R$80* por pessoa

Bali Swing

A Casa Utopia é uma hospedagem inovadora em Moreré. Ela foi idealizada pelo Divino que é trapezista, e por isso conta com redes de trapézio na varanda dos quartos e até mesmo um balanço gigante (Bali Swing) próximo ao bar.

@livemoretravelmore Curtindo a Casa Utopia em Moreré! #boipeba #baliswing #bahia #viagem #balanço ♬ Take You On – James Mercy & PhiloSofie

Horário de funcionamento: O balanço fica aberto ao público em geral no mesmo horário do Bar Mirante. Todos os dias de 17hs às 20hs. (Temporariamente fechado para não hóspedes)

Passeio de canoa

Explore o Rio Piã e o manguezal como um nativo, em uma canoa baiana. Esse é mais um passeio oferecido pela Manoela e que sai de Velha Boipeba.

Empresa: Quase Nativa

Duração: 2 horas

Valor: R$80* por pessoa

Voluntariado

Se você quer uma alternativa para viajar mais barato e viver uma experiência única, saiba que você pode fazer um trabalho voluntário em Boipeba, Bahia.

Quem oferece essa oportunidade é o Hostel Abaquar, por meio da plataforma Worldpackers. Você pode ajudar na recepção, limpeza, cozinha e até mesmo ensinando yoga.

Desconto worldpackers

A Worldpackers é uma plataforma que une viajantes dispostos a colaborar algumas horas por dia com anfitriões que podem te oferecer estadia no seu destino. Os dias e tempo total de trabalho é combinado diretamente com quem vai receber o viajante.

Quer uma boa notícia? Conseguimos um código promocional Worldpackers que dá 10% de desconto aos nossos leitores.

Ufa! Acho que deu pra ter uma boa ideia de o que fazer em Boipeba, Bahia. Não é mesmo?!

Dicas exclusivas

Agora vamos para algumas dicas exclusivas que preparamos pra você:

Comunidade Monte Alegre

1) Interaja com a comunidade de Boipeba: O pessoal da ilha é super simpático e cheio de histórias interessantes pra contar. Vale a pena se abrir para essa troca, tenho certeza que fará ótimas amizades e levará muito mais bagagem com você.

Obs: Na foto ao lado estão o Jorge (dono do Pão do Jorge em Moreré), o Escuro (dono desse bar em Monte Alegre) e o Divino (proprietário da casa Utopia).

2) Divida sua estadia em mais de um local: Fique parte do tempo em Velha Boipeba e parte em Moreré, assim não precisará se preocupar com os meios de locomoção disponíveis entre as atrações turísticas.

3) Leve pouca bagagem e dê preferência para mochila: Você terá que carregar sua bagagem em vários momentos, evite levar muito peso e opte por mochila para facilitar a locomoção. Eu cheguei a deixar minha mala média no Airbnb que fiquei em Salvador, se você estiver montando base em outra cidade da Bahia, pode verificar essa possibilidade também.

4) Acompanhe a Tábua das Marés: a maré influencia diretamente em alguns passeios. Você pode verificar os horários de maré alta e baixa através do Windy.

5) Não fale a palavra “tal”: Essa não é uma palavra bem vista na ilha (Exemplo: “o tal do João disse que…”). Eu cometi esse erro, mas felizmente foi com pessoas fofas que me alertaram hehe.

6) Aproveite os mercadinhos de Velha Boipeba: Vai ficar um tempo em Moreré? Então vale passar num mercado em Velha Boipeba antes para garantir algumas coisinhas como pão de forma, leite em pó, etc. Em Moreré você não encontra uma grande variedade.

O que levar para Boipeba

Aqui vai uma listinha esperta de coisas que você precisa levar na mala para Boipeba.

O que levar para Boipeba
  • Lanterna (é muito útil a noite já que nem todo lugar da ilha possui iluminação);
  • Roupas de proteção solar;
  • Papete para fazer trilhas que passam pelo mangue (chinelo pode arrebentar!);
  • Toalha de microfibra (seca rápido);
  • Boné/Chapéu para se proteger do sol;
  • Protetor solar e repelente (de preferência biodegradável);
  • Garrafa, copo e talheres reutilizáveis;
  • Produtos de higiene biodegradáveis;
  • Chinelos;
  • Escovinha para tirar areia do pé.

Precisa de alguma roupa ou acessório para caminhada ou para se proteger do sol enquanto estiver na Ilha de Boipeba? Aproveite nosso cupom de desconto da Columbia Brasil! Basta clicar na imagem abaixo que você já receberá 10% de desconto automaticamente.

Cupom de desconto Columbia Brasil

Turismo sustentável

Uma outra dica de o que fazer em Boipeba e em qualquer outro destino é: Pratique um turismo sustentável!

Esse paraíso precisa ser preservado e para isso ele precisa da nossa ajuda. Aqui vão algumas ideias de como minimizar os impactos da sua viagem, confira!

Turismo Sustentavel Bahia
Copo plástico trazido pela maré até a Praia de Moreré
Foto: Elaine Villatoro
  • Evite gerar lixo. Assim como em toda ilha, a gestão do lixo em Boipeba é extremamente complexa. Leve seus itens reutilizáveis e diga não ao plástico de uso único.
  • Se for comprar bebidas prontas, opte sempre por bebidas em latas de alumínio que tem alto índice de reciclagem em nosso país.
  • Utilize produtos biodegradáveis sempre que possível.
  • Atente-se para o que você come! Você sabia que lagostas, camarões, guaiamus e caranguejos não podem ser vendidos em determinadas épocas do ano? Eles precisam de um tempo para que consigam se reproduzir. Confira aqui os períodos de defeso de cada animal.
  • Conheça e apoie os projetos sociais Vivá Moreré e Nossa Oka Moreré.
  • Apoie empreendedores e produtores locais.
  • Evite grandes eventos na ilha. Boa parte dos locais não curtem esses eventos porque a ilha não está preparada para recebê-los. É comum faltar água, energia, e outras coisas nessas épocas, e a gestão do lixo é muito complicada pra lidar com este volume.

Bom, vou ficando por aqui. Espero que tenha curtido esse guia feito com tanto carinho pra facilitar sua viagem. Esse lugar roubou meu coração e certamente vai roubar o seu também. Te desejo uma viagem fantástica!

Dúvidas ou observações sobre esse paraíso? Deixe um comentário ✍🏼.

👉 Salve o pin abaixo e consulte nosso guia com o que fazer em Boipeba sempre precisar!

* Os valores mencionados foram coletados em novembro de 2021 apenas para referência e estão sujeitos a alteração.

Obs: Nossa hospedagem na Pousada Mangabeiras foi uma cortesia, assim como o passeio de caiaque da Ecomar e o acampamento em Castelhanos com a Kairu Adventure. Mas fique tranquilo, todas as opiniões expressadas aqui são sinceras e refletem nossas experiências 🤗.

Leia também: